conseguimos ajudar até hoje 5.899 crianças

Em 2009 ajudamos 30 crianças, em 2010 ajudamos 195 crianças, em 2011 ajudamos 374 crianças, em 2012 ajudamos 975 crianças, em 2013 ajudamos 1.304 crianças, em 2014 ajudamos 1.256 crianças, em 2015 ajudamos 1.165 crianças e em 2016 já ajudamos 600 crianças.

Caixa Teste 1
Caixa Teste 2

eventos e notícias

Entrevista com o padrinho Dr. Anderson Ricardo Ingracio

1. Como você se tornou padrinho do Mão Amiga? 
Por convite de um amigo/colega de profissão, o Rubeni, que apresentou a idéia e fez o convite para que eu me tornasse um padrinho. Pesquisei sobre o projeto e, apesar de já ajudar outras causas, me identifiquei com as propostas do Mão Amiga. Considerei um projeto empolgante e com toda credibilidade. Com muito gosto abracei o Mão Amiga e me tornei um padrinho.

2. Qual a principal motivação que o levou a doar para o projeto? 
Minha filosofia de vida. Penso que todos deveriam ter as mesmas oportunidades, ou oportunidades mais parecidas, mas infelizmente essa não é a nossa realidade. Acho que, independente de crenças e ideologias, devemos tentar fazer algo que oportunize condições mais semelhantes a todos. Melhores oportunidades de vida.  E considero começar pelas crianças e pela educação a situação perfeita.

3. Conte-nos como você se sente ajudando/apadrinhando crianças do Mão Amiga.

Muito feliz!  Saber que isso pode  mudar a vida das pessoas, das crianças e das suas famílias me deixa entusiasmado. É como se estivesse ajudando a tornar a felicidade mais próxima a essas famílias. Me sinto feliz e entusiasmado ajudando e fazendo o bem.

4. O que mudou em sua vida depois de ter se tornado padrinho do Mão Amiga? 
Me sinto com a esperança renovada. Empolgado com essas crianças. Realizado por participar de um projeto de tanto sucesso.  Ser um dos realizadores do projeto Mão Amiga gera uma sensação muito grande de satisfação! Frequentemente me deparo, no exercer da minha profissão, com depoimentos de pessoas que são beneficiadas pelo projeto, e que não sabem que sou padrinho. Todas sempre falam muito bem, com carinho e gratidão, e expõem o quanto o Mão Amiga faz diferença na vida delas. Me entusiasmo em tentar ampliar ainda mais o Projeto Mão Amiga.

galeria

"As mãos que ajudam são mais sagradas que os lábios que rezam."

- Madre Tereza